1

Distritão pode voltar à pauta da Câmara em julho

Por Raphael Di Cunto | De Brasília

Pressionados pelo calendário eleitoral, deputados articulam votar antes do recesso de julho a reforma política na Câmara. O texto, que antes previa uma série de modificações, agora deve ficar limitado a poucos pontos: mudança no sistema proporcional, a criação de um fundo público para custear as campanhas e talvez a cláusula de barreira, caso consiga apoio suficiente para avançar.